O Canadá subiu no ranking dos melhores países em educação no mundo

Image result for O Canadá subiu no ranking dos melhores países em educação no mundo

Em conferências sobre os sistemas educacionais que mais se destacam no mundo, os países que costumam ser mais mencionados, são a Finlândia, Noruega, Coreia do Sul e Cingapura.

Apesar de quase não ser mencionado, um país que melhorou no ranking internacional foi o Canadá. Recentemente uma série de exames foram feitos pelo Pisa (Programa Internacional de Avaliação de Alunos) da Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), que é uma instituição que reúne os países mais desenvolvidos, e o Canadá apareceu entre os melhores países em interpretação de texto, matemática e ciências.

Esses exames são os maiores estudos em níveis mundiais de desempenhos escolares, mostrando que os jovens canadenses estão entre os mais bem colocados do planeta.

Eles acabaram ficando na frente de países como os Estados Unidos, e também de vários países europeus, inclusive com os que eles mantêm vínculos culturais, como é o caso da França e do  Reino Unido.

A população canadense possui a maior quantidade de adultos na faixa de idade produtiva, com nível superior de escolaridade, apresentando 55%, enquanto os outros países da OCDE possuem em média 35%.

Esses números positivos alcançados pelo Canadá em exames escolares, se mostraram incomuns se forem comparados com as inclinações mundiais.

Na maior parte das vezes, os países que mostram melhores desempenhos não possuem uma grande extensão demográfica, eles apresentam sociedades parecidas e equilibradas, com um sistema educacional integrado a um método de âmbito nacional, como é o caso de Cingapura, que é citado como um exemplo de evolução sistemática.

Mas apesar dessas tendências, o Canadá não possui um sistema educacional integrado nacional, sendo que a organização é feita com base em regiões autônomas. Esses dois casos apresentam um contraste enorme, já que Cingapura é uma cidade-Estado, e o Canadá um país com uma extensão demográfica continental.

O Canadá também possui um alto índice de imigrantes dentro de suas escolas. Mais de um terço dos estudantes do país, tem os pais vindos de outros países.

Se o último ranking da OCDE for estudado detalhadamente, os resultados por regiões do Canadá ficam ainda mais surpreendentes.

Se as províncias de Quebec, Alberta e British Columbia se inscrevessem para esses exames como países separados, eles iriam chegar entre os cinco primeiros colocados em ciências, juntos com o Japão e Cingapura, deixando para trás Hong Kong e Finlândia.